Pular para o conteúdo
Voltar

Governo de Mato Grosso assegura execução dos recursos financeiros da Lei Aldir Blanc

Secel concluiu pagamentos dos projetos contemplados nos editais nesta quarta-feira (30.12)
Cida Rodrigues | Secel-MT

- Foto por: Divulgação
A | A

Esforço extra, responsabilidade e dedicação deram resultados. A Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel) garantiu o pagamento dos projetos contemplados em seus editais e assegurou a execução dos recursos financeiros da Lei Aldir Blanc, atendendo o prazo legal para destinação dos valores.  

“Todos os projetos da Lei Aldir Blanc que faziam parte da responsabilidade do Estado foram empenhados, liquidados e pagos nesta quarta. Tenho certeza que 2021 será um ano especial na vida de todos”, celebra o titular da Secel, Alberto Machado. 

Para o secretário, o sucesso da empreitada foi possível graças à mobilização de um time comprometido com a retomada da cultura em Mato Grosso.

“Meu agradecimento ao governador Mauro Mendes pela sensibilidade em entender a importância da ação, pois juntamente com outras secretarias que participaram direta e indiretamente, não mediu esforços em nos auxiliar. Aos guerreiros da Secel ficam meu agradecimento, meu carinho e respeito. Todos escreveram seus nomes na história da cultura mato-grossense. Também agradeço ao Conselho Estadual de Cultura pela entrega, confiança e colaboração acima da média”, completa o secretário.

Ainda nesta quarta-feira (30.12), o governo federal emitiu uma medida provisória que prorroga a execução dos recursos da Lei Aldir Blanc ao longo de 2021. Mas a decisão contempla apenas os estados e municípios que consigam empenhar e inscrever em restos a pagar os recursos até o dia 31 de dezembro. 

De acordo com a Lei, o governo de Mato Grosso ficou responsável pelo auxílio emergencial aos trabalhadores da cultura e pelos editais. Do total repassado ao Estado, uma parte foi utilizada para a transferência direta aos profissionais que conseguiram comprovar os requisitos e o restante, R$ 29,35 milhões, para as seleções públicas. 

Foram selecionados 569 projetos distribuídos em cinco editais: MT Nascentes, Conexão Mestres da Cultura, Circuito de Mostras e Festivais, MT Criativo e Conexão Cultura Jovem.  Com valores que variam entre R$ 25 mil e R$ 200 mil, cada projeto ajudará a retomada da cultura em todo o estado.