Pular para o conteúdo
Voltar

Maratona de Negócios abre inscrições para oficinas gratuitas de elaboração de projetos no setor cultural

Lidiane Barros | SEC-MT

Cada Maratona tratará de um assunto diferente ligado à economia criativa e ao empreendedorismo e inovação - Foto por: Divulgação
Cada Maratona tratará de um assunto diferente ligado à economia criativa e ao empreendedorismo e inovação
A | A

Análises estratégicas para a criação e desenvolvimento de projetos de melhor qualidade que se aplicam a qualquer modelo de empreendimento inspiram as atividades da 2ª Maratona de Negócios Criativos. Uma programação marcada por palestras, oficinas e rodadas de consultoria ocorre entre os dias 13 e 17 de setembro, no Centro Sebrae de Sustentabilidade e Palácio da Instrução. As inscrições são gratuitas e seguem até o dia 9, via plataforma Mapas (mapas.cultura.mt.gov.br).

O profissional de marketing e inovação, Nicolas Hassenstein fará a palestra de abertura, consultoria individualizada e a oficina em Inovação e Design Thinking, uma tendência que pode ser utilizada em vários negócios, assim como o cultural. A propósito, profissionais das artes em Cuiabá, podem optar por duas oficinas voltadas à produção de projetos para o audiovisual ou ainda, para as artes visuais.

O produtor de cinema Johnny DiBartolo ministra a oficina Cinema é Inovação, de terça a sexta-feira, das 14h às 18h e no sábado, de 8h às 12h, no Centro Sebrae de Sustentabilidade. Já o artista plástico e crítico de arte, José Serafim Bertoloto, idealiza a oficina Curadoria de Artes, de terça a sexta-feira, das 19h às 22h e sábado, das 8h30 às 11h30, no Palácio da Instrução. Ele utiliza o cenário do Salão Jovem Arte para envolver os alunos que assim como em todas as outras oficinas, receberão certificado emitido pelo Mato Grosso Criativo, núcleo coordenado pela Superintendência de Desenvolvimento da Economia  Criativa, da Secretaria de Estado de Cultura.

Ao Mato Grosso Criativo estão interligadas ainda as Secretarias de Trabalho e Assistência Social, Educação, Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico, MTI e GAE.

A Maratona prevê ainda, agendamento de consultorias individuais aos participantes, que poderão discutir com os profissionais que ministram as oficinas, seus projetos pessoais. 

De acordo com o superintendente de Desenvolvimento da Economia Criativa da Secretaria de Estado de Cultura, Rafael Albertoni Mazeto, dentro do eixo capacitação e formação, as maratonas serão realizadas até junho de 2017, pulando apenas o mês de janeiro.

“Cada Maratona tratará de um assunto diferente ligado à Economia Criativa e ao empreendedorismo e inovação, aberta aos empreendedores do Mundo das Artes, Criações Funcionais e Negócios Digitais. Podem participar as pessoas que tem alguma ideia criativa de negócio com impacto econômico e/ou social e que acredite que a sua ideia possa mudar a realidade da comunidade, da cidade ou no universo que ela está inserida”, explica.